THE EVIL QUEEN - GAROTA MÁ


Eu sou realmente a rainha, mas por quê má? Fala sério, eu tenho meus motivos!!! Quase todos conhecem a minha história, mas ninguém além de mim conhece toda ela.

Muitas coisas aconteceram antes das pessoas começarem a me chamar assim. Acredite se quiser, eu já fui boa. Se você é do tipo de pessoa que acredita que a bondade está associada ao amor, então entenderá o que eu digo, e ,ainda, tentará entender por que enxergo isso assim.

Antes de me tornar a tão famosa madrasta da Branca de Neve, e também a Rainha do Reino Encantado, eu vivia com minha mãe, Cora, que viveu um casamento sem amor, com meu pai, que também vivia conosco. A obsessão pelo poder, fez de Cora uma pessoa fria e extremamente calculista. E o grande problema para minha vida, é que ela queria aquilo para mim, sem se preocupar com o fato de que provavelmente eu amasse alguém.

Mas, eu amava.

Para os seus caprichos, ela dispunha de um item, muito importante, que como diz o seu mentor, Rumpelstilskin, sempre vem com um preço. Ela tinha mágica e era muito boa com ela. Daniel, não era apenas o tratador de cavalos. Na verdade, muito do que aprendi foi com ele, e a maioria das pessoas não imagina o quão difícil foi vê-lo morrer, bem à minha frente.

Cora, arrancou seu coração e transformou-o em pó, com sua magia. A única coisa que pude sentir foi a ausência do chão sob meus pés. Eu não queria demonstrar nada disso à minha mãe, mas não fui capaz, e as lágrimas rolaram pelas minhas bochechas, pela última vez em que falhei em ser forte.

Ok, você está se perguntando, onde entra a Branca de Neve nessa história?

Perdoem-me por fugir um pouco da cronologia. Isto ocorreu algumas semanas depois que eu salvei Branca de Neve da morte, quando ela quase caiu de um cavalo. Como recompensa, o rei, que procurava por uma esposa, propôs que nos casássemos. Eu e aquela garota ficamos bem próximas e conversávamos bastante, de forma que, em uma de nossas conversas, eu me abri sobre Daniel, contei tudo o que eu sentia e ainda disse que não queria me casar com o pai dela. Por isso, pedi que ela não ficasse magoada, pois ainda éramos amigas. Ela concordou e jurou manter segredo sobre aquele assunto.

Mentirosa!

Ela, não conseguiu guardar o segredo, contando-o à pior pessoa que poderia: Cora, que então o matou, como eu havia dito, justamente no dia em que íamos fugir.

Esta é uma parte da minha história, então, se você me entende agora ou não, eu não sei, mas sei que pelo menos tentei explicar: eu não odeio a Branca de Neve por ser filha do rei, ou algo assim, mas pelo fato de ter arruinado a minha vida e do meu amor, somente pelo fato de não saber guardar segredos.

Este pequeno relato, é uma fantasia inspirada na história da Rainha Má, durante a primeira temporada da série de televisão A ONCE UPON A TIME. Os nomes utilizados também são correspondentes aos dos personagens.

Compartilhe este post:

ana lu

Sou Ana Lu e uma das coisas que mais gosto de fazer é ler e ouvir música. Meus livros favoritos são Perdida da autora Carina Rissi e Belo desastre de Jamie McGuire. Eu espero poder compartilhar muitas experiências literárias seguindo sempre o lema "a persistência fez os grandes líderes".

24 COMENTÁRIOS

  1. Amo essa série, logo amei o post! Rsr
    Awin meu coração, porque essa mulher faz isso comigo hein!! <3

    ResponderExcluir
  2. Uau! Eu já tinha vontade de ler série. Agora fiquei com mais ainda! Adorei! Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Once Upon a Time !
    Adoro essa serie, estou acompanhando e a Evil Queen me conquistou e adoro essa releitura da historia dela que a serie fez e muito legal poder conhecer as varias faces da Regina !!

    ResponderExcluir
  4. Oii! Que legal! Não conhecia a série, vou tentar em breve! Achei mto legal!bjs

    ResponderExcluir
  5. Essa série é maravilhosa! E essa releitura ficou simplesmente foda!

    ResponderExcluir
  6. Eu comecei a assistir a série ,e confesso que fiquei incomodada pela lentidão dos acontecimentos, achei que estava muito parada a historia e resolvi parar de ver!! Mas eu tenho vontade de começar a ver a segunda pra ver se agora as coisas mudaram e não estão tão monótonas como estavam!! Valeu por esse conto,nem imaginava que esse poderia ser o motivo de tanta raiva da Rainha Má!!

    ResponderExcluir
  7. Essa série é demais. Estava assistindo mas tive que parar na terceira temporada. Mas muito a pena assistir. Me emocionei com esta cena. E ainda tenho um ressentimento com Branca de Neve, por causa do que ela fez.

    ResponderExcluir
  8. Não sei o que acontece comigo, mas sempre quando assisto algum filme ou série, eu acho super legal os vilões. Eles me cativam!! Haha
    Eu ainda não assisti Once Upon a Time, mas só de ler tanto a fantasia inspirada na Rainha Má quanto aos comentários, que são positivos, me interessei na série.

    ResponderExcluir
  9. Não acompanho a série mas tenho muito interesse, adoro esse clima de contos de fadas! Adorei o post.

    ResponderExcluir
  10. Amo UOAT, logo amei o conto.
    Parabéns.

    ResponderExcluir
  11. Once Upon a Time <3 Regina <3 amooo , é uma das minhas vilãs favoritas :3 tipo... desde o início da série eu percebia esse outro lado dela.

    ResponderExcluir
  12. Tenho vontade de assistir ouat, amei o conto e a razão por odiar Branca de Neve ❤ sua perda foi horrível.

    ResponderExcluir
  13. Nostalgia! Nossa, aquelas cenas da Rainha de OUAT foram de cortar o coração. Relembrar dá uma vontade de rever...
    Ficou bem legal esse relato =D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. que bom que gostou!!! Regina melhor pessoa hahahha

      Excluir
  14. Não sei porque, mas os vilões me fascinam! haha
    Nunca assisti Once Upon a Time, mas sou um serieholic e ela já está na minha lista, devido a tantas indicações de amigos kkkk vale a pena né?

    ResponderExcluir
  15. Amo vilões. Que relato criativo rss não assisto OUAT mas adorei esse "outro lado" Branca de Neve fofoqueira rss

    ResponderExcluir
  16. Amo os vilões e essa série! Mas acho que o modo como o relato foi escrito não casou muito bem com a personagem...Não sei explicar direito

    ResponderExcluir
  17. Conhecia essa parte da história já, inclusive ela aparece em uma adaptação em filme sobre a história da Rainha. Gosto muito da série, e sempre achei super interessante a forma como ela aborda as mais diversas perspectivas, inclusive a dos vilões, tornando tudo imparcial e distinto dos contos de fadas tradicionais.

    ResponderExcluir
  18. Oi Ana Lu,
    achei super interessante teu conto em forma de monólogo, não é algo tão comum de se ver na blogosfera e eu gosto muito. Assisti poucos capítulos de Once Upon a time, não curti muito a premissa, mas gostei bastante do teu estilo de escrita.
    Beijos

    ResponderExcluir
  19. Um amigo meu fala muito dessa série, ama todos os personagens (até os malvados) incondicionalmente, e sempre me diz para assistir a série o quanto antes! Vi o primeiro episódio e gostei muito, quero terminar de ver. Abraços :)

    ResponderExcluir
  20. Ahhhhhhhhhhhh, essa série <3
    Sério, eu acho a Regina uma das melhores personagens.
    Nessa nova temporada então, ela não tem quase nada de rainha má, kkkk

    ResponderExcluir
  21. Sensacional! Amo esses segundos pontos de vista.

    ResponderExcluir
  22. A série é maravilhosa, e o conto ficou perfeito! Adorei a postagem!

    ResponderExcluir