ENTREVISTA COM ALEX DE FRANÇA ALELUIA


O escritor Alex de França Aleluia responde sobre como foi criar o livro RAPUNZEL E O REINO DAS TREVAS e seus novos projetos com a Editora CROWN.

1) O que te motivou escrever Rapunzel & o Reino das Trevas?

Já tinha um projeto de fantasia. O meu menininho Gheb ganhou sua primeira aventura no ano de 2009. Assim, juntei o que ele tinha de melhor e resolvi trabalhar com uma releitura. Escolhi Rapunzel pelo dinamismo das tranças. Achei que poderíamos dar a ela uma visão mais concreta da sua força de mulher. O cabelo é tudo em uma pessoa, mostra seu humor, muitas vezes concatena com o olhar. Daí temos uma personalidade relatada sem que a própria pessoa saiba.

2) O que o leitor pode esperar encontrar em Rapunzel & o Reino das Trevas?

Ele pode esperar muita fantasia. Aventura, descobertas. Terá encantos, adrenalinas e o melhor de tudo, vai torcer pela mocinha como jamais fez.

3) Quais os personagens principais da história? Fale um pouco deles.

Temos em si, 5 principais. Acho que todos são mocinhos. Entendo que ninguém nasce ruim, devido as circunstância da vida, torna-se ruim. A Bruxa Sara é um exemplo disso. O príncipe Huan, também. Rapunzel foi muito bem tratada, mas os complexos da Bruxa pela trajetória de vida, deixou-a neurótica e assim acarretou muitos problemas a ela. Mas o importante nesta obra é a essência do ser humano. É o que tento passar a vocês.

4) Em sua história, Rapunzel não é uma princesa em perigo, mas uma mulher forte que toma a frente na luta contra a Rainha Bruxa. O que o motivou a fazer esse tipo de alteração no conto clássico?

Tenho em mim que a mulher é forte. Pode passar o que for, saberá como chegar ao êxito. A própria bruxa Sara, não podemos dizer que ela não é forte! Ela se arriscou! Ela foi para cima em virtude de um passado nebuloso. Quanto a Rapunzel, venho mostrar que o poder é girado pelo coração. Quanto mais nobre tu és, mais desafios enfrentará com possibilidades de sucesso. Ela é assim. Não se deixou abater!

5) Encontrar um amor não é a maior preocupação de Rapunzel nesse livro, mas sabemos que ela fica com o coração dividido, qual a mensagem que você quer passar sobre esses "príncipes" que ela encontra em sua jornada?

Uma coisa que tive certeza na vida é que semelhante atrai semelhante. E quanto mais lucidez você tem, mais conseguirá enxergar as coisas em sua frente. Rapunzel vem com alguns pretendentes em sua trajetória. Ela poderia tudo, até escolher com quem permanecer para o resto de sua vida, mas seu coração a guiou em um sentido, sabe por quê? Porque ela é igual ao seu amado.

6) Levando em conta que você é professor, quando escreve com protagonistas mulheres, você tem preocupações feministas de igualdade de gênero?

Sinceramente não. Escrever é observar. Ser humano é ser humano. O que muda? A trajetória de vida. Preocupo-me com isso.

7) Sabemos que Rapunzel terá uma continuação, mas que o livro termina com uma finalização de enredo e novos desafios são propostos. O que podemos esperar no próximo livro?

Muita paixão. Inveja, desafios e personagens curiosos. Além de muitas buscas e aprendizagens pela Rapunzel.

8) Você pretende escrever e publicar mais releituras de contos clássicos?

Ainda não pensei no assunto. Mas gostei disso... sô!

9) Quais os seus próximos projetos com a Editora Crown?

Temos em mente alguns suspenses psicológicos. Uma reformulação de um livro meu e sua continuação. Além, claro, da continuação de Rapunzel que já está reservada para ela!

Para quem quer seguir o autor Alex de França Aleluia, abaixo, os links de suas redes sociais:

SNAP: profalexfranca
TWITTER: @escritoralexf
FACEBOOK: Prof. e escritor Alex de França Aleluia

Compartilhe este post:

Carl

Tenho várias paixões: livros, gibis (muitos gibis), filmes, séries e jogos (muitos jogos de PC e consoles), fotografia, natação, praia e qualquer chance de viajar para conhecer novos lugares e pessoas. Lamento o dia ter apenas 24 horas - é muito pouco ;>) -, e não saber desenhar O.O

6 COMENTÁRIOS

  1. Gente! que simplicidade da parte dele *-*. "suspenses psicológicos" já quero ler tudo que escrever.

    ResponderExcluir
  2. Gostei bastante dele! Deu pra absorver o que realmente quer passar com esse livro. Acredito que essa releitura esteja super animada e como ele disse cheio de aventuras, e eu adoro isso num livro!

    ResponderExcluir
  3. Oi. Já havia lido uma entrevista com esse autor e gostei muito da proposta do livro. A capa está muito bonita, convidativa e a sinopse promete! Desejo sucesso!

    ResponderExcluir
  4. Olha eu não sou muito fã de releituras de contos de fadas. Acho que meio que me decepcionei com os que li, e perdi muita a vontade de ler releituras. Mas achei essa temática bem interessante, é a primeira releitura de Rapunzel, já li algumas de Chapeuzinho vermelho e Branca de Neve. Outro ponto que gostei foi de ele ter a sensibilidade de não colocar a Rapunzel como as outras princesas desesperadas pelo príncipe encantado! Isso já valeu o livro!

    ResponderExcluir
  5. eu sou meio dividida com relação a releituras (pq afinal ninguém sabe o que é o original) mas esse eu achei legal pq tem um ar meio dark e mulheres fortes
    não sei, acho q vou esperar a resenha

    ResponderExcluir
  6. Também publiquei um livro adaptado do conto A Bela Adormecida. Com certeza vou ler o esse livro do Alex.

    ResponderExcluir