TALVEZ UM DIA

 

 Colleen HOOVER  
Editora GALERA 
2016
368 páginas 

SINOPSE: Um dos livros mais comentados de 2015, nos Estados Unidos, este é mais um sucesso arrebatador de Colleen Hoover, autoras das séries Slammed e Hopeless. Sydney acabou de completar 22 anos e já fez algo inédito em sua vida: socou a cara da ex- melhor amiga. Até hoje ela não podia reclamar da vida. Um namorado atencioso, uma melhor amiga com quem dividia o apartamento... Tudo bem até Sydney descobrir que as duas pessoas em quem mais confiava se pegavam quando ela não estava por perto. Até que foi um soco merecido. Sydney encontra abrigo na casa de Ridge. Um músico cujo talento ela vinha admirando há um tempo. Juntos, os dois descobrem um entrosamento fora do comum para compor e uma atração que só cresce com o tempo. O problema é que Ridge tem uma namorada, e a ultima coisa que Sydney precisa agora é se transformar numa traidora.  

TALVEZ UM DIA é um romance New Adult da autora americana Collen Hoover. Lançado inicialmente em 2014 com o título MAYBE SOMEDAY, e este ano lançado no Brasil pela editora  GALERA RECORD.

Depois de ler a maioria dos livros da Colleen Hoover, eu achava que já sabia o que esperar quando comecei a ler o livro. Eu não podia estar mais enganada. A história é muito original, CoHo soube dosar drama, romance, humor e o melhor de tudo: música!

Sydney leva uma vida normal, divide um apartamento com a melhor amiga, Tori, e namora com Hunter há dois anos. Seu passatempo favorito de todas as noites é ir até a varanda e ouvir seu vizinho tocar violão. Como estudante e amante de música, foi fácil criar letras em sua cabeça para as melodias que ele compunha.  

Sua vida muda completamente no dia de seu aniversário de 22 anos, quando descobre que seu namorado a traiu com sua melhor amiga. Depois de distribuir alguns socos nos dois, ela se vê sem casa, sem namorado, sem melhor amiga,  com a mão machucada, puxando suas malas debaixo de uma chuva torrencial. Happy Birthday, Sydney! 


Para a sua salvação, seu vizinho, Ridge, lhe oferece o apartamento, onde mora com mais duas pessoas, para ela ficar o tempo que precisar. Em troca desse favor, Sydney terá que ajudá-lo a escrever as letras de suas próximas músicas. 

O que vai surgindo entre os dois é belo e inocente. Mandar no coração e impedir que os sentimentos cresçam, sobretudo com tanta proximidade, é humanamente impossível, mas os dois lutam bravamente para controlar a atração, pois Ridge tem uma namorada, e a ultima coisa que Sydney quer, é se tornar uma "Tori". 

Eu nunca quero ser como ela, Ridge. Nem consigo explicar, como a traição deles me magoou, e eu nunca, jamais, quero fazer isso com outra garota.

Como sempre, a autora criou personagens marcantes e únicos, com passados difíceis e que dão total sentido às suas personalidades e escolhas. Até mesmo os personagens secundários foram bem elaborados, de forma bem humorada, sendo o contra peso da hístória, tornando- a mais leve.

A narrativa é feita intercalando entre Sydney e Ridge, em primeira pessoa, assim o leitor consegue acompanhar melhor os sentimentos de cada um, tornando tudo mais profundo. 

Não tenho dúvida de que seríamos perfeitos um para o outro, Sydney. Mas nossas vidas não são perfeitas para nós.


Não posso deixar de enfatizar as músicas e como tudo foi encaixado no contexto do livro. A autora fez uma "parceria" com o músico Griffin Peterson, criando, assim, uma Playlist exclusiva para TALVEZ UM DIA. Eu que não costumo ler e ouvir música, pois tenho dificuldade de concentração, mas confesso que consegui realizar esse feito. As músicas são muito encantadoras, a voz do Griffin é doce, calma e dá todo sentido ao enredo do livro. Ler e não ouvir as músicas, já não fazia sentido para mim, de tanto que me apeguei. 

A Playlist está disponível no site oficial do livro e no Spotify pelo Qr Code, mas, cá pra nós, pode ser encontrada no Youtube. 

A diagramação do livro é muito linda, embora não seja a arte original da capa, mas ficou bem parecida. As folhas são amareladas e a tradução das músicas não mexeu nas letras, o que torna mais fácil de acompanhar a playlist. Nós nos sentimos parte daquilo, acompanhando tudo de perto, o nascimento das letras e os sentimentos que elas carregam. Somos testemunhas de um amor que vai crescendo, um amor que não pode ser consumado. Bom, talvez um dia. 

 
TALVEZ UM DIA é um livro que vai muito além de um romance New Adult. Ele é sensível, inovador, quebra tabus, preconceitos, é surpreendente! Mostra que amar uma pessoa com lealdade e devoção, torna tudo mais lindo, mas, ao mesmo tempo complicado, uma vez que não se escolhe a quem amar ou deixar de amar.  É algo que vem do coração, vai bem mais além de um simples lance de pele. É o que mais gosto nessa autora, a capacidade de criar romances em cima de algo improvável, pois sabemos que é assim que realmente acontece, o amor não escolhe entre o certo e o errado.

  
Você vai rir, talvez até chorar, mas vai levar consigo valiosas lições. O amor é um sentimento avassalador e incontrolável, que testa seu caráter e te faz compreender que, se for verdadeiro, o tempo não consegue terminá-lo, só fortalecê-lo. 

Super recomendo a leitura. Para aumentar um pouco mais a curiosidade de quem ainda não leu, aqui vai o Book Trailer
 

Compartilhe este post:

Brena Carvalho

Sou cearense, amo música, livros, filmes, café, bebês, gatos, viagens (…) adoro escrever. Sonho cursar psicologia, viajar o mundo, enfim, ser feliz! (não necessariamente nessa ordem).

20 COMENTÁRIOS

  1. Gente, que tiro! Eu preciso ler meu Deus! Não vou mentir, melhor resenha do mês kk Eu amo sofrer por um romance e caramba, estou escrevendo e escutando o vídeo acima, os olhos seja a lacrimejar. Eu já tinha gostado ao ler o primeiro paragrafo da resenha, mas quando você disse que os capítulos se intercalam entre os dois, uma paz enorme nasceu em mim. Envolve música, sentimentos verdadeiros, culpa, amizade, e eu quero muito ler.

    Parabéns de verdade <3 Arrasou!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou, Lucas! Ler esse livro e ouvir as musicas é ainda mais emocionante do que você imagina, recomendo mesmo! abraço!

      Excluir
  2. OOOI! Eu nunca li nenhum livro dessa autora, mas já ouvi ótimas recomendações de Talvez um dia!!Eu achei a resenha maravilhosa, e assim que comecei a ler me senti atraída por esse livro, parece ser um romance e tanto e envolvendo a música junto deixou tudo ainda melhor, espero ter a oportunidade de ler em breve!!!Valeu Brena!

    ResponderExcluir
  3. Oooow que música!!! Depois de ler a resenha já estou imaginando as personagens, a história acontecendo! Preciso ler urgente esse livro!
    Parabéns pela resenha Brena! Adorei!

    ResponderExcluir
  4. Esse é sem duvida um dos livros que eu mais quero ler, amei a sinopse e minhas expectativas estão lá em cima.
    Fora que sempre vejo o pessoal falando muito bem dos livros desta autora.

    ResponderExcluir
  5. Percebi que está na moda escrever livros pensando em uma playlist para ser ouvida pelos seus leitores. Acho isso grande passo, desde que feito de forma correta e em que a música seja realmente uma parte importante do livro e esteja em sintonia com ele.

    A história parece ser bom, também me parece ser um daqueles livros que é bom para presentear alguém.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Seria um ótimo presente mesmo! 😉

      Excluir
  6. acredita que eu nunca li nada da Hoover?
    eu vejo tantos elogios que eu estou ficando curiosa para ler, eu tive uma época que estava meio chateada com os NA/YA que eu lia. mas esse começo, dela distribuindo socos em todo mundo entrou na minha lista do preciso ler
    me indica qual livro para começar os livros da hoover?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O lado feio do amor, pois foi o primeiro que li e me fez apaixonar pela escrita dela.

      Excluir
  7. Oi!
    Que linda sua resenha, perfeita! Olha, sinceramente nunca li nada dessa autora, mas sempre vejo comentários muito positivos sobre suas obras, principalmente em relação a esse livro. Não é um gênero literário que me atraia muito para ler, mas, como a premissa promete uma história interessante, creio que, se tiver oportunidade, vou ler sim! E depois de suas palavras, mais incentivada fiquei. Obrigada pela dica. Beijos.

    ResponderExcluir
  8. ótima resenha!
    Esse livro tem repercutido muito em vários site e com críticas positivas! Gostei muito da resenha e esse casal é apaixonante. O que será que vai acontecer com os dois no final com tantas coisas no passado que traumatizou ela? Só lendo pra descobrir. =)

    ResponderExcluir
  9. Não importa onde eu vá sempre encontro alguém falando desse livro, e na maioria das vezes falam bem, isso acaba comigo porque sou dessas que quando gosta muito de um livro tem que comprar, e o dinheiro nem sempre está aqui quando precisamos. Me resta esperar mais um pouco rsrsr
    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Olá. Um romance assim merece ser comprado. Agora já sei do que o livro se trata e realmente me interessei *-* vou colocar na lista sim.

    Cupcakeland

    ResponderExcluir
  11. Oi :)
    Leio poucos livros New Adult mas eu gosto bastante desse gênero. Li apenas a trilogia Métrica da autora e foi uma experiência muito boa, adorei a escrita dela, sempre leve e cativante. Gostei bastante da sinopse desse livro e pretendo ler todos os livros dela.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  12. Nunca tive a oportunidade de ler nada da Collen, mas confesso que há um bom tempo ando querendo conhecer as obras dela. Hopeless fez muito sucesso e vi muitos comentários sobre a serie, agora estou vendo que ela continua lançando sucessos. Gostei muito da resenha.

    ResponderExcluir
  13. Não conhecia a autora nem o livro, mas foi amor a primeira lida, que livro! Estou ouvindo a música do book trailer ja procurando o livro e a playlist. Adorei saber que a narrativa é escrita pelos dois personagens, pelo menos para mim, deixa a leitura mais fluída. Ansiosa para ler ☺

    ResponderExcluir
  14. Nunca li nenhum livro da Colleen Hoover mas já ouvir falar muito bem dela e dos livros dela! A cada livro dela que ouço falar fico mais curioso! Eles tem umas histórias inovadoras. Amei!

    ResponderExcluir
  15. É tão bom esse livro! Quando li achei o melhor dela. A história é cheia de drama e conflitos, muitos sentimentos... Mas a parte do romance? Com música entre esses dois? Que delícia de conferir! E é bom ir ouvindo enquanto vai lendo, a experiência fica ainda melhor. Vale a pena. Essa autora só surpreende com cada livro que escreve mesmo *-*

    ResponderExcluir
  16. Oi!
    Tenho que ler esse livro, assim que vi esse livro da Colleen Hoover no lançamento fiquei bem interessada nessa historia, e lendo os vários comentários positivos sobre ela preciso ler, adorei essa mistura de livro com musica ainda mais com uma playlist que os próprios personagens fazem e gostei muito de saber que temos personagens secundários bem elaborados !!

    ResponderExcluir
  17. Normalmente eu não curto romances, né. Mas vai dia vem dia e aparece um ou outro q me chamam a atenção. É o caso desde livro em especial. Achei sensacional a mocinha ser cheia de personalidade (afinal, brigou com o namorado e com a amiga depois da traição e ainda saiu de casa. Normalmente elas perdoam um ou outro e isso me dá nos nervos), e também luta pra não ser a outra....e mais ainda essa beleza de livro todo musical. Adoro musica. Realmente quero ler.

    ResponderExcluir