A ERA DE OURO DO PORNÔ


Zeka SIXX
Editora MULTIFOCO
2016
160 páginas 

SINOPSE: Max tem vinte e nove anos e mora sozinho em um apartamento em Porto Alegre. Faz bicos como tradutor e sonha em ser escritor, enquanto passa os dias bebendo, esperando o fim de um bloqueio criativo que o aflige há três anos. Você já leu essa história milhares de vezes, certo? Não exatamente. "A Era de Ouro do Pornô", primeiro romance de Zeka Sixx, autor do livro de contos "O Caminho dos Excessos" (Edição do Autor, 2015), parte de uma premissa aparentemente batida para se revelar uma fábula maldita, encharcada em álcool, sexo, cultura pop e niilismo. Mais do que Max, o anti-herói central, é a cidade de Porto Alegre, com seus habitantes - do sexo feminino, em especial -, o verdadeiro personagem do romance. O enredo se desdobra como uma montanha-russa, indo do sonho ao pesadelo num virar de página. "A Era de Ouro do Pornô" é uma sátira a uma geração que colocou sobre seus próprios ombros a necessidade de ser criativamente relevante.

Filmes pornográficos existem desde que se inventou a câmera de filmar, ainda na época do cinema mudo. Para o leigo, eles são feitos sem qualquer tipo de preparo, de qualidade e são marginalizados pela sociedade, embora a maioria dessa mesma sociedade já tenha visto, em algum momento, algum desses filmes, na Internet ou na televisão.

Uma informação que a maioria das pessoas não conhece é que os filmes pornô são divididos em categorias, que definem o tipo de sexo que será visto. Por exemplo, se o filme possui sadomasoquismo, se é homossexual feminino ou masculino, se há penetração anal, se acontecem fetiches de fluidos corporais (!), se quem filma é quem realiza o ato, e assim por diante.

Em A ERA DE OURO DO PORNÔ, o autor faz um passeio sexual por todos esses gêneros, sempre com mulheres diferentes e com muitos detalhes e explicações. Não é uma viagem para qualquer leitor, porque não há a supressão de adjetivos quanto ao que está acontecendo com os personagens. O sexo é apresentado de forma direta, sem meias palavras, bruto, independente de qual categoria ele se aplique. E várias dessas relações sexuais podem embrulhar o estômago do leitor mais sensível, ou limitado por suas paredes pré-concebidas.


Vou confessar que até ler a obra de Zeka Sixx, Jim Carbonera era o único autor, que eu conhecia, que conseguia transmitir uma história, sem um enredo definido, de forma interessante, com acontecimentos do cotidiano, com um linguajar rude, mas descolado. Sixx vai a um nível um pouco abaixo, utilizando diálogos mais crus ainda, com situações totalmente livres que qualquer preconceito, transformando a vida do personagem principal em uma sequência de eventos desprovidos de planejamento futuro, onde o que importa é o momento, é o que está acontecendo, é com quem ele está transando.

Os sentimentos de Max, o narrador e personagem principal, são moldados pelos encontros com as diversas mulheres que passam pelo seu dia. Sim, porque seus relacionamentos não costumam durar mais do que algumas horas, apenas o suficiente para conseguir transar. Mas isso não quer dizer que ele abandona a mulher. Suas parceiras são tão efêmeras quanto ele, e sabem perfeitamente o que irão receber e o que irão entregar. Não há subterfúgios para levar alguma delas para a cama. As conversas de conquista são diretas, francas, sinceras, e ambos os lados sabem perfeitamente o que esperar um do outro.

A ERA DE OURO DE PORNÔ não é apenas uma descrição de alguns dias na vida de Max, mas uma explicação minuciosa da quantidade de tipos de sexo que um casal pode praticar, ou assistir numa biblioteca de filmes pornográficos. É uma leitura rápida, que deve ser apreciada sem qualquer tipo de preconceito.

Ah, e um detalhe importante: muito bem escrita, tanto a nível de narrativa, quanto de gramática e ortografia, algo que está ficando raro, mesmo nas publicações de grandes editoras, cada vez mais displicentes na revisão das obras.

SOBRE O AUTOR

ZEKA SIXX é gaúcho, tem trinta e três anos e mora em Porto Alegre/RS. É advogado, formado pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, DJ nas horas vagas e estreou na literatura em 2015, com o livro de contos O CAMINHO DOS EXCESSOS (www.zekasixx.wix.com/ocaminhodosexcessos).

Contatos, pelo e-mail: zekasixx@gmail.com

Compartilhe este post:

Carlos H. Barros

Tenho várias paixões: livros, gibis (muitos gibis), filmes, séries e jogos (muitos jogos de PC e consoles), fotografia, natação, praia e qualquer chance de viajar para conhecer novos lugares e pessoas. Lamento o dia ter apenas 24 horas - é muito pouco ;>) -, e não saber desenhar O.O

27 COMENTÁRIOS

  1. A capa escolhida é bem ousada, achei bem interessante. Mas não será um livro que vou ler no momento. Vou deixar para outra oportunidade. Apenas não consegui me interessar no momento pela trama, mas como sempre mudo a minha opinão, vou anotar para ler mais para frente.

    ResponderExcluir
  2. É muito interessante a forma como vc escreve essa resenha, bem imparcial rs, mas confesso que não é o estilo de leitura que desperta a minha curiosidade. Pelo menos não no momento. :)

    Bjs.

    ResponderExcluir
  3. Achei a ideia do livro interessante, porém não seria um livro que eu leria, pois não faz parte do meu gosto literário.

    ResponderExcluir
  4. Achei o livro bem interessante para quem gosta de livros com pornografia, por não fazer o meu gênero,não me atraiu!!

    ResponderExcluir
  5. Oii Carlos, gostei da resenha, do enredo, capa tbm, uma pena não ter me atraído tanto, nunca li pornô, então esse deixarei na lista pra um dia conferir...
    Bjs!

    ResponderExcluir
  6. Oi Carlos.
    É um livro bem diferente, com uma narrativa peculiar e direta. Eu não leria, pois não é meu tipo de leitura.
    A capa chama bastante atenção, mas a achei bem artística.

    ResponderExcluir
  7. O livro parece ser interessante para quem aprecia esse gênero, contudo livros pornográficos não fazem o meu estilo, então não entrará para a listinha haha.

    ResponderExcluir
  8. Livro interessante.
    Gosto de obras com esse gênero literário e me arriscaria em ler esse livro sim.
    A escrita parece ser bem ousada e que chega a fazer você se prender em meio a leitura e não largar, gosto disso.
    Sua resenha me deixou curiosa.
    Beijos,
    Caroline Garcia

    ResponderExcluir
  9. Olá!
    Ótima resenha, não sei se é um livro que eu leria pois meu estilo está mais para terror, suspense, fantasia... mas, para que curte seria uma leitura interessante. A capa foi muito bem escolhida rsrsrs retrata com certeza o intuito do autor.

    ResponderExcluir
  10. Oi, Carlos!

    Bela análise, enxergaste o livro sob um ângulo diferente do que a maioria das resenhas que tenho visto! Legal saber que curtiste entrar na vida de Max Califórnia e que entendeste tão bem o espírito do personagem - e, consequentemente, do livro.

    Obrigado pela parceria e continue com o excelente trabalho!

    Abraço,
    Zeka

    PS: para quem for à Bienal de São Paulo, deixo o aviso que o livro terá uma sessão de lançamento no dia 03/09/16, às 16h, no estande da Editora Multifoco. Estão todos mais do que convidados! ;)

    ResponderExcluir
  11. Já haviam me falado que a linguagem é bem mais crua e quem nem todas as pessoas gostam do livro por causa disso. Achei a capa legal, sexy sem sem vulgar #sqñ . kkkkkk, o enredo achei curioso e tem tudo para ser um livro que eu gostem pois não tenho nenhum preconceito com a linguagem mais crua, acho que dependendo do tipo de livro devemos nos adequar! Gostei da resenha, foi simples e transmitiu exatamente o que o livro traz!

    ResponderExcluir
  12. Com uma escrita própria o livro parece interessante para quem gosta desse gênero, não é meu tipo de leitura...

    ResponderExcluir
  13. Parece ser muito interessante, mas eu não leria pois não faz muito meu estilo de leitura.

    ResponderExcluir
  14. Olá.
    Sua resenha sempre muito boa. Quanto ao livro, deixo passar a dica, não me atrai em nada esse gênero e muito menos a premissa. Obrigada. Abraços.

    ResponderExcluir
  15. gostei muito da resenha , muito bem pormenorizada ,porem não tenho interesse nesse tipo de gênero mas acho bacana o blog ser eclético trazendo todo tipo de conteúdo

    ResponderExcluir
  16. Voltando aqui só pra divulgar que o livro está em promoção, com FRETE GRÁTIS no site da Editora Multifoco! Não percam! ;)
    http://editoramultifoco.com.br/loja/product/a-era-de-ouro-do-porno/

    ResponderExcluir
  17. Oi :)
    Não gosto de literatura erótica então não tenho interesse no livro mas como você disse que a escrita do autor é muito boa eu leria algo dele que não fosse dessa temática.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  18. Não me interessou. Começando pela capa e pelo título, achei muito vulgar e apelativo. Você falou que a linguagem, apesar de crua não é vulgar, mas não tive uma boa impressão da obra logo de cara. Não me senti atraída para essa leitura.

    ResponderExcluir
  19. O livro parece ser bem interessante, mas não é muito meu interesse, leria só pra conhecer pois não conheço esse autor.

    ResponderExcluir
  20. Oi tudo bem..
    Confesso que por a capa ser bem ousada não chamaria minha atenção,mas a sinopse e a sua resenha apresentaram um cenário diferente ao que eu imaginei, especialmente por conta do personagem central,nao sei se leria ,mas confesso que fiquei curiosa.
    Um abraço e muito sucesso :)

    ResponderExcluir
  21. Eu não fiquei muito interessada nessa história, admito, esperava uma coisa mais... Instigante? Não me atraiu, parece um daqueles livros sexuais sem conteúdo e sem historia conexa e tal, a resenha só me desmotivou mesmo, nã porque foi ruim, porque desenvolveu mais o livro e me fez achar ele ruim mesmo, enfim, quem sabe um dia dou uma chance pra ele?

    Ana Carolina
    https://leitureira-filmeserie.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  22. Achei interessante, não li nenhum autor com livros hot... mas parece bem mais direto. Não digo que não leria, mas não agora. Estou mais nos romances, nos livros de terror...
    Um beijo
    Paulinha S

    ResponderExcluir
  23. Não é um livro que leria, pela idade e pela minha zona de conforto, mas gostei do autor explorar de uma maneira real o gênero pornos e seus discrepâncias. Ótimo para quem lê eróticos

    ResponderExcluir
  24. Sinceramente não me interessei pelo livro, principalmente por não gostar de livros do tipo. Mas acho que, para quem gosta, vai achar esse livro muito bom.

    ResponderExcluir
  25. Capa ousadíssimaaaaa.... Não curto mto esse genero de leitura.Mas,quem sabe um dia eu nao leio,heim?! haha

    ResponderExcluir
  26. Adorei o contraste das cores na capa, mas nunca leria um livro assim.

    ResponderExcluir
  27. Oi!
    Ainda não conhecia esse livro e mesmo esse não sendo o tipo de leitura que gosto, achei legal o livro e interessante a ideia do autor !!

    ResponderExcluir