O AR QUE ELE RESPIRA


Brittainy C. CHERRY
Editora RECORD
2016
308 páginas


SINOPSE: Como superar a dor de uma perda irreparável? Elizabeth está tentando seguir em frente. Depois da morte do marido e de ter passado um ano na casa da mãe, ela decide voltar a seu antigo lar e enfrentar as lembranças de seu casamento feliz com Steven. Porém, ao retornar à pequena Meadows Creek, ela se depara com um novo vizinho, Tristan Cole. Grosseiro, solitário, o olhar sempre agressivo e triste, ele parece fugir do passado. Mas Elizabeth logo descobre que, por trás do ser intratável, há um homem devastado pela morte das pessoas que mais amava. Elizabeth tenta se aproximar dele, mas Tristan tenta de todas as formas impedir que ela entre em sua vida. Em seu coração despedaçado parece não haver espaço para um novo começo. Ou talvez sim.

O AR QUE ELE RESPIRA é escrito pela autora Brittany, conhecida por ter escrito SR. DANIELS, publicado no Brasil pela editora RECORD, com 306 páginas, divididos em 45 capítulos e ponto de vista dos dois personagens principais.


Primeiramente, deixa eu desabafar sobre esta capa maravilhosa. Minha nossa, quando vi este livro, com este homem lindo na capa, nunca imaginei que a premissa foi tão perfeita, angustiante e prazerosa.

Na história, conhecemos duas pessoas que perderam seus grandes amores e estão tentando continuar suas vidas. Apesar de tudo, cada um escolheu seguir em frente de uma maneira diferente, mas estão prestes a perceberem que podem encontrar um novo amor da melhor, ou pior, maneira possível, apesar de evitarem a todo custo.


Elizabeth perdeu seu marido em um acidente de carro e morou por um ano na casa de sua mãe. Contudo, depois que perdeu seu marido, ela vive saindo com homens, e a vizinha fofoqueira vive falando de sua vida. Ela traz homens para casa, mas não aguenta mais ouvir sua filha, Emma,  de 5 anos, perguntando quem são todas essas pessoas que aparecem frequentemente.

Por causa disso, Elizabeth volta para sua cidade natal com a filha, mas, antes de chegar na cidade, ela se envolve em um pequeno acidente, onde atropela o cachorro de um homem muito bonito, contudo bastante arrogante e grosseiro. Leva o cachorro e o dono para o veterinário e, pouco dias depois, descobre que ele é seu vizinho.


O nosso homem misterioso se chama Tristan, um homem triste, frio e grosseiro, mas com o coração e a alma despedaçados. Ele perdeu a esposa e o filho em um acidente de carro, quando suas vidas estavam indo perfeitamente bem. Sua empresa fazendo contratos para ótimos projetos e sua vida amorosa com a família não poderia estar melhor, mas, como o destino nos prega peças, não podemos ter tudo que amamos para sempre.

No começo, os dois, Elizabeth e Tristan, têm uma relação ruim. Ele, por causa de sua agressividade para deixar as pessoas longe, deixa Elizabeth curiosa, e isso o irrita bastante, já que necessita e precisa ficar sozinho no seu mundo de dor e sofrimento. Mas uma mulher determinada é uma mulher forte, destemida e deixa qualquer um impaciente. Falo por mim mesma hahaha!


Apesar de tentarem não se encontrar e discutirem bastante, aos poucos, acabam tendo uma convivência amigável. Emma adora o cachorro de Tristan, assim este não consegue ficar longe da mulher que lhe dá nos nervos, mas, ao mesmo tempo, sente uma atração extremamente estranha. Assim, começam a se usar sexualmente para lembrarem de seus parentes falecidos. Tudo parece ir muito bem, quando percebem que aquilo não está adiantando e resolvem parar. Contudo, o estrago já esta feito. Corações despedaçados, sentimentos há tempos esquecidos florescem novamente e novos amores surgem.

Confesso que, no início, fiquei com um pé atrás. Aquela típica premissa de duas pessoas despedaçadas que encontram outra e se salvam novamente, é desse jeito sim. Mas, Brittainy me convenceu com sua escrita envolvente, personagens que me deixaram angustiada, com raiva e triste.


Elizabeth é uma mulher extremamente forte e desinibida, mostrou que por trás desta beleza e força, existe uma mulher desamparada, sofrida pela perda do marido, mas que decidiu lutar por ela e mais ainda por sua filha pequena, seu maior tesouro.

Tristan foi um absurdo no começo. Não queria acreditar no que estava lendo. Nunca imaginei ler um livro com um homem tão chato e arrogante, mas, depois, percebi que foi sua maneira de superar o trauma e se esconder um pouco do mundo. Ele, aos poucos, se mostrou um homem totalmente novo, carinhoso, amável e falando belas frases românticas.


Os personagens secundários são totalmente engajados na premissa. Famílias, amigos e até inimigos foram bem retratados no livro, com seus devidos finais e  com suas histórias de tirar o fôlego, que me deixaram arrepiada. Assim, quando estava lendo, lembrei-me um pouco do Miles Archer, de UGLY LOVE, que perdeu sua mulher e filho em um acidente de carro. Mas são premissas totalmente diferentes, cada uma com seu desfecho a seu modo.

A editora está de parabéns com toda a diagramação. A capa impecável. Um homem barbudo, de cabelo curto e liso, como nosso protagonista, e com um rosto onde percebemos que não está feliz com sua vida atual. Sem nenhum erro de escrita, folhas amareladas e ainda pequena cartinha da editora escrita pela Renata P..


Uma leitura adorável, com muitas surpresas e que nos faz acreditar que, mesmo que tenhamos perdido nossos amores, podemos crer que ainda existe alguém no mundo que nos possa fazer feliz do seu modo.

Compartilhe este post:

Larissa Maciel

A vida é uma caixinha de surpresas. Posso dizer que minha vida gira em torno de surpresas. Entrei no mundo da leitura e pretendo nunca sair. Um mundo de encantos, de alegrias, de tristezas, de mágoas, de raiva e de frustrações por personagens. Mas, depois de tudo, os perdoamos, pois não conseguimos ficar com raiva de “pessoas” que conhecemos há pouco tempo e já consideramos como parte de nossa vida. Sim, sempre me verá na rua, ônibus, metrô, fila e tanto outros lugares com um livro ou o celular – pode ter certeza que és um livro – na mão, dentro de um mundo de muitas vidas e histórias agradáveis.

15 COMENTÁRIOS

  1. Oi.
    Eu sou completamente apaixonada por esse livro. Desde que comprei, devorei ele rapidinho e me apaixonei pelos personagens. Brittainy tornou tudo verosímil, coisa que eu amo nos livros dela. É um livro que super indico e não vejo a hora de ler os outros dessa série!
    Beijo, Visite o Leitora Encantada

    ResponderExcluir
  2. Oii Larissa! Tbm confesso que qdo li a sinopse desse livro, pensei a msm coisa q vc, um casal como ouros q já li, com o msm problema e tals...Mas com tanta resenha excelente como a sua, me convenci acompanhar mais d perto essa história q parece mto boa!
    Mais ansiosa q nunca pra ler!
    Bjs!

    ResponderExcluir
  3. Oi!
    No começo confesso que não me interessei pelo livro, mas depois de ver tantas pessoas falando coisas muito boas sobre ele eu fiquei bastante curiosa. Não é meu gênero favorito de leitura, mas acho que vale a pena ler e conhecer essa história que promete grandes emoções.

    ResponderExcluir
  4. Preciso desse livro! *o*
    Ano passado surgiu um Tristan na minha vida, mas acredito que esse não tenha jeito, porque além de ser grosseiro, é orgulhoso. </3
    Amei sua resenha! Está de parabéns! =D

    ResponderExcluir
  5. Oi! Que capa é essa? Nunca tinha escutado falar desse livro, mais ao olhar essa capa me deixou com vontade saber sobre ele, parece mostrar de certa forma que mesmo com nossos corações partidos por algumas perdas , e apesar de cada um ter a suas diferenças podemos nos permitir apaixonar, basta apenas querermos!! Obrigada, ansiosa para ler!

    ResponderExcluir
  6. Essa capa esta muito bem trabalhada, quando vi ela pela primeira vez pensei que fosse um livro erótico rsrs mas percebo que me enganei, é um livro que carrega uma grande carga emocional e drama, adoro a escrita da Brittany, e quero conhecer seus novos personagens, com passados sofridos, mesmo que seja clichê, mas tenho certeza que a autora ira novamente me surpreender positivamente.

    ResponderExcluir
  7. Desde que foi lançada a capa desse livro eu já fiquei louca. Li a sinopse e fiquei um pouco mais. Quando que era a mesma autora de "Sr. Daniels"... Acho que surtei hahahahaha ainda não consegui ter a oportunidade de ler, mas a vontade e a curiosidade estão com os pontinhos em dia.

    Adorei tua resenha!!
    Beijitos <3

    ResponderExcluir
  8. Oi!
    Eu sou completamente apaixona da por essa autora. Já li Sr. Daniels e pensei que não poderia ficar melhor, aí ela nos surpreende com esse novo romance sofrido e ao mesmo tempo tão lindo. Concordo com você que a capa muito maravilhosa, os mocinhos apesar de no inicio o mocinho me irritar muito são incríveis e a filhinha dela ser uma fofo. Amei as revelações que acontece no decorrer do livro. Esse é simplesmente um dos melhores livros que li em 2016.
    Parabéns pela resenha e beijos!!!

    ResponderExcluir
  9. Oi Larissa, tudo bem?
    Desde que conheci esse livro no Mochilão da Record, fiquei completamente encantada! Essa capa é linda, e a sinopse chamou muito a minha atenção, mesmo parecendo bem clichê rs. Ainda não tive a oportunidade de ler, mas sei que já posso preparar a minha caixa de lenços hahaha. A autora é muito elogiada, e suas obras também, então minhas expectativas estão bem altas :)
    Adorei a sua resenha e as fotos!

    Beijos,
    Ana | Blog Entre Páginas
    www.entrepaginas.com.br
    Participe do SORTEIO DE 1 ANO do Blog!

    ResponderExcluir
  10. Ai gente, já estava super curiosa para ler este livro e, depois de ler essa resenha, fiquei ainda mais. Como faço com essa listinha de desejados que só aumenta? rsrsrs
    Adorei a resenha!!
    Beijos,
    Maria Luíza - Blog Dicas de Malu
    www.dicas-malu.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Esse livro é simplesmente PERFEITO! A autora ja ganhou meu coração e toda a minha atenção em Sr. Daniels, e esse livro veio para destruir o meu pobre coração, adorei a resenha!!! Bjos.

    ResponderExcluir
  12. então eu não fui a única quando leu a sinopse do livro pensou: mais um???
    um casal despedaçado que juntos se completam? se bem que nesse tipo de história normalmente o que ganha realmente é como o/a autor/a apresenta as coisas.
    e agora eu fiquei curiosa para conferir a escrita da britany

    ResponderExcluir
  13. Oi :)
    Esse gênero não faz muito meu tipo de leitura mas a estória desse livro me chamou a atenção de alguma forma. Tenho certeza que vou gostar dos personagens e estou muito curiosa pra saber mais sobre a vida deles. A capa está muito bonita, o trabalho da Editora Record é sempre maravilhoso.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  14. Desde que ouvi falar sobre esse livro no mochilão da Record, fiquei interessada porém creio que vou chorar muito kkkk

    ResponderExcluir
  15. Meu livro queridinho do momento!
    <3

    ResponderExcluir