PÁ DE CAL

SINOPSE: Seis pessoas acordam sem memória em uma vila. Cada uma delas em uma casa, no interior de uma estranha floresta artificial. Em cada casa há uma caixa trancada por seis fechaduras e uma carta, com uma das chaves e um bilhete que diz: "Suas lembranças estão no interior desta caixa. Para abri-la você terá que reunir as chaves das outras cinco pessoas que estão na vila. Se uma pessoa reunir as seis chaves e abrir a caixa, um sistema irá destruir automaticamente o interior das outras cinco. Somente um poderá se lembrar quem é. Boa sorte." Descubra por que as seis pessoas estão nessa misteriosa vila. Quem conseguirá recuperar sua memória. Como ela fará isso. E, principalmente, a que custo - Gustavo ÁVILA - Edição INDEPENDENTE - 2016 - 40 páginas.

A primeira obra que li de Gustavo Ávila, foi O SORRISO DA HIENA. A história do serial killer que busca repetir em crianças o mesmo horror que sofreu na infância, tinha tudo para ser inesquecível. Infelizmente, a falta de revisão e os enormes furos do enredo, jogaram abaixo qualquer expectativa. Então, quando soube que ele havia lançado um conto, PÁ DE CAL, na Amazon, em formato ebook, correi a comprar. Queria ver se a escrita do autor havia amadurecido.


Novamente, total decepção. Não pela história em si, que usa como base, situações similares a livros como MAZE RUNNER, JOGOS VORAZES e JOGOS MORTAIS, mas, sim, pela, novamente, quantidade de furos e falta de revisão. Recomendo, fortemente, que o autor consiga ajuda nessa parte. E se já tiver, que troque.


Mesmo que o leitor consiga abstrair essas falhas, acompanhando com descrença a luta mortal entre os seis personagens para recuperarem suas memórias às custas das vidas dos outros, chegamos a um clímax interessante, mas com uma conclusão totalmente sem sentido. A sensação que passa é semelhante a você se perguntar porque determinada pessoa morreu, e eu responder que estou assistindo televisão. Sim. Não tem sentido.

Embora seja um conto e, como tal, não tem necessidade de explicar todos os pontos, o que ele deixa de explicar é tão amplo, que acaba prejudicando a leitura.


O que é uma pena, porque, com uma revisão mais apurada, e um cuidado maior nas explicações finais, daria um excelente livro.

Compartilhe este post:

Carl

Tenho várias paixões: livros, gibis (muitos gibis), filmes, séries e jogos (muitos jogos de PC e consoles), fotografia, natação, praia e qualquer chance de viajar para conhecer novos lugares e pessoas. Lamento o dia ter apenas 24 horas - é muito pouco ;>) -, e não saber desenhar O.O

14 COMENTÁRIOS

  1. Realmente uma pena pq amei a sinopse. Muito interessante essa de lutar para recuperar as memórias. Erros de revisão me irritam bastante e dependendo da frequência que aparecerem não consigo ignorar. O autor parece ter potencial, mas precisa se focar melhor para explicar pela menos o principal

    ResponderExcluir
  2. Olá!!! Pá de Cal deixou um pouco a desejar, é o que disse na resenha, o autor poderia ter desenvolvido um pouco mais o final da história, mas no geral o livro vale a pena ser lido, pois apresenta uma narrativa bem envolvente.

    ResponderExcluir
  3. Eu até gosto dessa coisa de ficar perdida depois de ler um conto. Mas fica chato se a gente acha sem sentido...
    Uma pena que tenha se decepcionado, mas pela premissa dele acho que gostaria de ler. Teria que ver mesmo o que acho da história, entender o que tem de errado, os furos que disse e coisa assim. Num primeiro momento parece interessante...

    ResponderExcluir
  4. A capa e o título já são muito chamativos, gostei muito da ideia (mesmo parecendo com alguns dos livros citados por você), mas como você falou que tem furos e que o desfecho tornou-se sem sentido meio que fiquei sem vontade de ler. Gosto de leituras onde encontramos uma concisão no texto, na trama e que as pontas estejam super amarradas. Mas esse eu passo!

    ResponderExcluir
  5. Carl!
    Triste ver um autor ter boas ideias, mas não saber desenvolvê-las de forma correta e ainda deixar furos e uma correção muito mal feita...
    Achei o enredo parecido mais com Jogos Mortais...
    Bom carnaval e moderação, hein?
    “Não basta saber, é preferível saber aplicar. Não é o bastante querer, é preciso saber querer.” (Johann Goethe)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oi Carl, tudo bom?
    Que pena que não gostou do conto, é realmente triste quando temos muitos furos em uma historia, é triste isso, quem sabe futuramente o autor melhore.
    Beijos *-*

    ResponderExcluir
  7. Que tris que o escritor não obteve sucesso de novo em conquistar o leitor, nesse caso você, com seu enredo. Eu diria que livros assim são difíceis de escrever porque além de ser necessária todo um enredo bem trabalhado com uma ideia que seja inovadora pra não ser chato pata o leitor também deve se observar se este mesmo enredo não tem furos o que não ocorrei com esse conto. Espero que ele melhore.

    ResponderExcluir
  8. adorei sua sinceridade
    e vou dizer não sei se eu já tivesse me decepcionado uma vez com o escritor eu teria coragem de tentar
    mas é uma pena a ideia do livro parece ser bastante interessante, mas sem revisão não dá.. quanto aos furos, pelo jeito são bem grande - quando são pequenos a gente abstrai e ai fica complicado
    espero que ele realmente ache alguém para ajuda-lo

    ResponderExcluir
  9. O enredo desse conto parece ser bom, mas é uma pena que tenha tantas falhas. Eu acho que isso dos erros de revisão e esses furos do enredo também iam me incomodar muito! Acho que o autor realmente deveria trabalhar para melhorar isso :/

    Beijos!

    ResponderExcluir
  10. Oi ! Eu não tenho o hábito de ler contos, e ao ler a sinopse me pareceu ser uma boa história, porém um conto que possui vários erros é péssimo e desanima o leitor de chegar ao fim da história , então eu nem leria, mais valeu!

    ResponderExcluir
  11. Olá!
    é muito difícil eu pegar um livro de contos para ler e sendo ebook então, desanima um pouco. Confesso que li a sinopse e fiquei curiosa mas os pontos negativos que falou me desanimaram mais ainda.
    abraços!

    ResponderExcluir
  12. Não achei esse livro interessante!
    Achei bem chato na vdd!
    Não leria se já tivesse me decpcionado com o autor!
    Só se o livro fosse bem comentado!

    ResponderExcluir
  13. Oi!
    Uma pena que livro tenho decepcionado, ainda não li nada desse autor, mas esse não foi uma historia que me chamou atenção, acho que quando se ler uma historia tem que acreditar nela e quando vemos tantos furos no enrendo ela acaba não nos envolvendo mais !!

    ResponderExcluir
  14. Nossa, Carl, é bem chato ler um livro com grandes problemas de revisão, mesmo sendo só um conto. Confesso que nunca li nada do autor e nem conhecia esse conto.
    Uma pena mesmo que tenha tido esse problema, pois a premissa é boa.

    ResponderExcluir