FRAGMENTADO

SINOPSE: Kevin (James McAvoy) possui 23 personalidades distintas e consegue alterná-las quimicamente em seu organismo apenas com a força do pensamento. Um dia, ele sequestra três adolescentes que encontra em um estacionamento. Vivendo em cativeiro, elas passam a conhecer as diferentes facetas de Kevin e precisam encontrar algum meio de escapar.

DIREÇÃO: M. Night SHYAMALAN
DURAÇÃO: 1h57
ANO DE PRODUÇÃO: 2017
DISTRIBUIÇÃO: Universal Pictures
ELENCO: James MCAVOY, Anya TAYLOR-JOY, Betty BUCKLEY, Haley Lu RICHARDSON e Jessica SULA

Na base, pode-se considerar uma trama bem arriscada. Um homem com 23 personalidades diferentes, sequestra três meninas e as mantém em um quarto debaixo da terra. Sem saber o que está acontecendo, as meninas precisam esperar o retorno do sequestrador, que a cada encontro está diferente. Percebendo isso, uma das meninas tenta se aproximar da personalidade infantil do homem, em busca de uma fuga do cativeiro.


Na primeira cena, somos apresentados ao universo das três meninas, que estão numa festa. Logo de cara, temos problemas, já que nem todas são amigas, o que dificulta o trabalho em equipe e, mesmo assim, essa perspectiva é dispensada, já que ambas são separadas no decorrer da produção. Temos aqui um problema de roteiro, porque apenas uma chega a ter desenvolvimento. Mesmo sendo uma personagem introspectiva, o publico se afeiçoa com ela. Com as outras, pode acontecer qualquer coisa, que não ligamos.

O grande vilão do filme é um sujeito triste, feliz, vaidoso, medroso, violento, educado e etc. Suas personalidades são trabalhadas com perfeição, frutos de um desenvolvimento de motivações, junto com o excelente trabalho de James McAvoy. O ator transmite muita confiança e medo, cada cena é uma pessoa diferente e em todas, às vezes, nós compramos o que nos está sendo oferecido. Um de seus melhores trabalhos até o momento.


Anya Taylor-Joy, conhecida pelo filme A BRUXA, consegue transmitir muita tensão e esperança no olhar, uma personagem que é reforçada pelo tanto da atriz. Conhecemos um pouco da sua vida através de flashbacks cheios de simbolismo, dando ao espectador o prazer de ligar os pontos. Betty Buckley, aqui interpretando a psicóloga, conduz o público aos fatos, é através dela que podemos fechar algumas lacunas, tudo isso reforçado com um desempenho muito firme.

Conhecido por se o diretor do “ame ou odeie”, M. Night Shyamalan se tornou mundialmente famoso com o excelente O SEXTO SENTIDO. Desde lá, passou por algumas dificuldades, lançando filmes abaixo do esperado, mas sempre voltando com algo fresco para o público. Aqui, temos um de seus trabalhos mais peculiares. Em termos técnicos, é um filme para ninguém botar defeito. A câmera segue os personagens e se encaixa nas menores aberturas, trilha sonora arrepiante, acompanhada de uma edição ágil, não deixando o filme cair na inércia.


FRAGMENTADO seria um terror ou suspense? O resultado final transcende apenas um gênero, graças a uma trama difícil, mas potente, e um grande elenco. Aqui temos uma prova de que não é preciso orçamento gigantesco para se entregar um filme com qualidade. A produção custou 9 milhões de dólares e, até o momento, arrecadou 260 milhões. Corra para o cinema!

Compartilhe este post:

Rafael Yagami

Cinéfilo compulsivo, amante de livros e musica. A leitura e os filmes sempre me ensinaram a confiar em mim e ter sonhos grandes e é com isso que me armo todos os dias para lutar pelos meus objetivos.

9 COMENTÁRIOS

  1. Oii Rafael!
    Tô pra ver esse filme, mas ainda não rolou, gostei mto da história, adoro o ator, creio q será um bom filme...Bjs

    ResponderExcluir
  2. Achei o trailer desse filme bizarro, mas ver tudo deve ser uma baita experiência então. O ator parece ter feito cada personalidade de uma forma bem crível, está parecendo muito legal. Acho que iria gostar desse filme. A ideia dele é boa e não parece ser desses filmes que são cheios de produção e tudo muito...muito. Exagerado, sabe? A história parece simples e bem feita, pesada e densa e tal, mas sem nada muito fantasioso ou difícil de engolir. Gostei muito.

    ResponderExcluir
  3. Rafael!
    Gosto demais de thrillers psicológicos bem elaborados e com atores fantásticos como esses, ne dá para deixar de ir assistir.
    Fiquei intrigada apenas por saber porque ele sequestra as 3 adolescentes...
    Li um livro chamado Sybill e ela tinha múltiplas personalidades tambem e foi uma leitura mais que interessante.
    “Não basta conquistar a sabedoria, é preciso usá-la.” (Cícero)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de MARÇO, livros + KIT DE PAPELARIA e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  4. NOOOSSA, gastaram pouquíssimo perto do retorno que já teve :O
    Quando comecei a ver as propagandas achei que era adaptação do livro Fragmentados e fiquei bem feliz porque adorei aquele livro hahaha mas eu curti demais a premissa desse filme também, e ri aqui quando você disse que poderia acontecer qualquer coisa com as outras duas meninas que nem ligaríamos hahaha é uma pena quando os personagens não são bem desenvolvidos e não nos afeiçoamos a eles
    Sei que conheço esse ator de algum lugar, mas não tenho certeza de onde... vou procurar! Ah, e vou assistir ao filme, claro.

    ResponderExcluir
  5. Isso que eu chamo de lucro!
    Vi o trailer desse filme e fiquei com uma vontade enorme de assistir, o ator parece ser muito bom, afinal, interpretar tantos personagens em um não deve ser fácil; só espero não me decepcionar com o filme, porque essa história de sequestro é uma coisa que está se tornando clichê nos filmes e muitas vezes acabo perdendo o interesse.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Oi Rafael, tudo bem?
    Eu fui assistir esse filme segunda feira e olha, que filme hem!
    O cara arrasou na interpretação. Era evidente quando uma das personalidades tomava a luz e assumia o controle. Apesar de ter sacado o final do filme logo no começo - acho que a culpa disso são as histórias que ando lendo haha - o filme foi ótimo!
    E me parece que terá continuação né.
    Beijos
    Quanto Mais Livros Melhor

    ResponderExcluir
  7. James 💜💜💜 caramba,preciso ver esse filme!

    ResponderExcluir
  8. Olá Rafael, assisti o filme e é uma história e tanto rs. O ator é ótimo e conseguiu passar muito bem a personalidade de cada um pra nós. Sobre as garotas, posso dizer que torci muito pras três no começo, porém no final é inevitável não se antetar apenas a "keyse" (não decorei o nome da personagem rs) por conta de sua estória um tanto trágica. Gostei muito do filme ter arrecadado uma grana e tanto, tomara que isso dê a deixa pra uma continuação, pois queria saber mais da vida da moça que ficou, acho que podiam ter aprofundado mais no final dela. Seria ótimo ver um próximo filme rs. Abraço!

    ResponderExcluir
  9. Oi Rafa! Assisti ao filme faz uns meses, bem antes de lançar no cinema. A atuação que vive o problemático de 23 personalidades foi brilhante! Assim como a atuação de Anya! O resultado é um filme bem diferente do que se costuma ver nos cinemas de hoje devido a uma temática não tão explorada e com isso fez-se um filme ousado e original!

    ResponderExcluir