COMO AGARRAR UMA HERDEIRA


SINOPSE: Quando Caroline Trent é sequestrada por engano por Blake Ravenscroft, não faz o menor esforço para se libertar das garras do agente perigosamente sedutor. Afinal, está mesmo querendo escapar do casamento forçado com um homem que só se interessa pela fortuna que ela herdou.Blake a confundiu com a famosa espiã espanhola Carlotta De Leon, e Caroline não vai se preocupar em esclarecer nada até completar 21 anos, dali a seis semanas, quando passará a controlar a própria herança milionária. Enquanto isso, é muito mais conveniente ficar escondida ao lado desse sequestrador misterioso. A missão de Blake era levar “Carlotta” à justiça, e não se apaixonar por ela. Depois de anos de intriga e espionagem a serviço da Coroa, o coração dele ficou frio e insensível, mas essa prisioneira se prova uma verdadeira tentação, que o desarma completamente - Julia QUINN - Editora ARQUEIRO - 2017 - 304 Páginas.

Eu não escondo de ninguém que romances de época é um dos meus gêneros preferidos, então quando eu vi o lançamento da duologia AGENTES DA COROA, sabia, com toda a certeza, que precisava ler os livos, e essa foi uma leitura surpreendente.
"Caroline era esperta. Era inteligente. E era atraente demais. E Blake a queria bem longe de Seacrest Manor. Já tentara se envolver profundamente com outra mulher antes. E isso quase o destruíra."
Caroline Trent é órfã e, após perder seus pais de maneira trágica, a vida não tem sido fácil, já passou por diversas tutelas e todos morreram. Seu último guardião é um homem ambicioso e maldoso que irá fazer qualquer coisa para casa-la com seu filho, nem que para isso tenha que apelar para a imoralidade.

Ela escapa dele, porém sua liberdade dura pouco, pois é capturada pelo agente da coroa, Blake Ravenscroft, que suspeita, não, que tem certeza que ela é Carlotta de Leon, uma espiã espanhola muito procurada pela coroa.
"Mas a jovem já despertara aquela parte de Blake que ele gostava de manter quieta. A parte que se importava. E a razão pela qual ele não queria que ela ficasse era simples: Caroline Trent o assustava. Ele gastara uma grande quantidade de energia emocional mantendo distância de mulheres que despertassem nele qualquer outra sensação além de desinteresse ou desejo."
Eu só tenho uma palavra para descrever este livro: divertido. Essa foi uma leitura que eu esperava ser mais séria, centrada na coroa e na descoberta da verdadeira espiã, porém não foi isso que encontrei, o livro traz personagens surpreendentes, em especial a Caroline, que é teimosa e não sabe ouvir um não, principalmente quando sua segurança está em risco.

Black já perdeu um amor antes, por causa de sua profissão, e não quer se envolver com mais ninguém, aí a primeira pessoa que balança seu mundo é do tipo que não sabe quando recuar, então começa uma verdadeira luta de vontades, que não só me cativou, como me deixou ansiosa para ver a, enfim, rendição.

O romance que surge nesse livro não é forçado, o que me deixou extremamente feliz, os personagens vão se descobrindo, conhecendo um ao outro e, mesmo não querendo, sabem que precisam dar o braço a torcer, porque resistir não irá mudar o que sentem.
"Caroline estava muito acostumada ao seu defeito de, com frequência, falar sem pensar, mas naquele dia parecia que ela tinha elevado o vício ao nível do absurdo. Além disso, perdera completamente o apetite, sempre tão saudável. Sem contar que passava o tempo todo sorrindo como a maior das tolas."
Os personagens secundários proporcionaram algumas das cenas mais cômicas do livro, como a governanta Sra. Mickle, que tinha como missão de vida, alimentar e proteger Caroline; Perriwick, um mordomo fora dos padrões; e o meu preferido, James Siddons, que é o melhor amigo de Black e protagonista principal do segundo livro, denominado: COMO SE CASAR COM UMM MARQUÊS.

Julia Quinn mescla investigação, aventura e muito romance, criando uma trama divertida, com personagens que sabem se meter em confusão como ninguém. Algo que eu gostei e que me chamou bastante a atenção, foi que a cada novo capitulo, ao invés de ter um título, há palavras que a Caroline anota em seu diário. Achei legal a ideia e caiu muito bem na história, já que cada palavra tinha algo relacionado ao capitulo que iriamos ler.

Essa foi uma leitura surpreendente, que me fez suspirar e, ao mesmo tempo, rir das situações mais inusitadas. Os personagens deixaram uma saudade imensa, e eu já estou ansiosa pelo segundo livro, por isso, se você curte o gênero, ou não, leia, tenho certeza que irá desfrutar da leitura.
"Toda aquela maldita situação parecia provar a existência de um poder superior, cujo único propósito era deixar Blake completa e irrevogavelmente insano."



Compartilhe este post:

Marlene Conceição

Meu nome é Marlene, moro em São Paulo, sou apaixonado por livros, leio conforme meu humor, não tenho um gênero literário definido, gosto de tudo um pouco, irei cursar faculdade de Medicina, amo séries e filmes.

15 COMENTÁRIOS

  1. Ainda não li nenhum livro da Julia Quinn, e queria ler uma boa resenha de uma de suas obras. E que bom que a primeira foi de Como agarrar uma herdeira. Me interessei muito. Gosto de livros que me faz rir e torcer para que os personagens principais (casal) fiquem juntos. Eu queria poder está comentando aqui trazendo meu ponto de vista do livro. Mas ainda estou começando no mundo literário e pretendo começar a ler os livros da Julia, e começar por este. Adorei o texto. Ótima escrita, e ainda trouxe trechos do livro. Parabéns 😊

    ResponderExcluir
  2. Queria muito ler os romances da Julia Quinn, sempre ouço falar muito bem deles, como esse livro!! A história é muito interessante, gosto de ler romances e só pela resenha, o livro já me cativou!!

    ResponderExcluir
  3. Oi Marlene, esse é o meu tipo de história, amo romances de época e li esse e realmente divertido é a palavra pra descrevê-lo. Caroline é o destaque da história pra mim, bem humorada e determinada, já sofreu muito mas não abaixa a cabeça e gostei demais dela. Blake achei um tantinho chatinho kkk, resiste demais ao envolvimento mesmo tendo um motivo pra isso. A capa tá muito linda e Júlia Quinn parece ter selo de qualidade rsr, dificilmente não gosto de uma de suas histórias.
    Amei a resenha <3

    ResponderExcluir
  4. Ainda não comecei a ler romances de época, mas a cada resenha (Já li muitas sobre o gênero) eu percebo que preciso ler com urgência.
    Já li algumas resenhas sobre este livro, e todas são positivas. A sua resenha tem um pouco mais de detalhes, Marlene, e foi ótimo conhecer um pouco mais.
    Caroline parece uma personagem ótima, com essa personalidade então... a diversão será garantida.
    Quero ver como será essa relação entre ela e Blake; mas terá que esperar um pouco. São muitos de época e não sei nem por onde começar.

    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Olá! Tudo bem?
    Achei a sinopse bem cativante e acho que eu leria esse livro, apesar de ser um romance de época – um gênero que não me agrada tanto. Vou dar uma chance e vê se eu vou gostar.
    Ótima resenha como sempre.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  6. Infelizmente ainda não tive oportunidade de ler nenhum dos livros desta autora, mas quando soube do lançamento desta duologia fiquei completamente entusiasmada, e agora lendo sua resenha tenho ainda mais certeza de que quero ler está obra. Até porque o romance se desenvolve gradualmente nada muito forçado, além de ser muito divertido e dinâmico, com personagens secundários bem desenvolvidos.

    ResponderExcluir
  7. Como você, romance de época também é um dos meus gêneros de leituras favoritos, e gosto muito dos livros de Julia Quinn, que bom que este livro é um livro divertido, e que é uma leitura surpreendente, sua resenha sobre este livro me deixou ainda mais ansiosa para ler ele, pretendo ler Como agarrar uma herdeira em breve.

    ResponderExcluir
  8. Olha, já recebi inúmeras indicações de livros da Quinn. Cheguei a comprar dois só por isso, mas até hoje não li.
    Pela primeira vez estou com um real interesse.
    Após ler essa resenha então...
    Acho que vou adentrar o mundo dos romances de época através desse.
    Abraço!

    ResponderExcluir
  9. Marlene!
    Gosto demais de romances de época também e os da Julia são queridinhos.
    Quero demais poder ler mais essa série que se inicia, principalmente por ver que vai dar muita confusão, já que a protagonista é confundida com uma espiã, tem o lance do tutor, enfim, todo o drama que gosto muito.
    “Não há nada que faça um homem suspeitar tanto como o fato de saber pouco.” (Francis Bacon)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE OUTUBRO 3 livros, 3 ganhadores, participem.

    ResponderExcluir
  10. Olá Marlene, tudo bem?
    Esta vai ser minha primeira leitura de Julia Quinn. Já cheguei a ler alguns romances de época, mas todos dizem que ela é a rainha do gênero. Estou super curiosa, e agora ainda mais ao ler a resenha.
    Muito interessante a trajetória da protagonista, descrita como pessoa de personalidade e decisão. A forma não-usual na qual os personagens se encontram prometem mesmo trazer um ótimo toque de comédia para o livro.
    Com certeza vou querer conferir, gosto muito de heroínas que não são bobocas, mas lutam pelo que querem e tornam o drama muito mais real.
    Espero mesmo ler ainda neste ano!

    ResponderExcluir
  11. Oi! Ao contrário de ti, romances de época é um gênero que não entra na minha zona de conforto. Quase todas as resenhas que leio (não importa o livro), me parece ser sempre a mesma coisa. Que bom que dessa vez tem um diferencial, na qual a autora incluiu investigação na história. Beijos

    ResponderExcluir
  12. Olá, o modo como é construído o elo entre os protagonistas deixa a leitura fluída e leve, sem contar que o humor característico das obras de Julia Quinn torna a trama ainda mais imperdível. Beijos.

    ResponderExcluir
  13. Pela resenha o livro é bem leve para se ler, pelas imagens do vídeo também não parece ser algo maçante ou cansativo. Gostei da história, e gosto muito quando vocês colocam nas resenhas algumas características ou falam sobre os personagens secundários, gosto tanto deles!! Kkkk acho que eu gostaria bastante de ler esse livro

    ResponderExcluir
  14. Oi Marlene!
    Eu adoro a Julia Quinn! Sei que vou adorar o livro, pois gosto do estilo de escrita dela.
    Gostei da premissa. Imaginava que fosse focar mais na coroa também, mas que bom que não. Adoro histórias que nada é forçado entre o casal e que no decorrer da narrativa eles vão se descobrindo juntos. Os personagens secundários nunca deixam a desejar nas histórias dela. Sempre são incríveis e dignos de série, como o do Quarteto.
    Espero ler logo s2

    ResponderExcluir
  15. Não tem como chegar num post sobre algum livro da Julia e não ficar babando literalmente por ele.
    Danada de autora que consegue arrancar suspiros e risos de seus leitores!
    Romances de época quando bem escritos, trazem toda aquela magia que só aquela época era.
    Espero poder ler este novo livro da autora!
    Beijo

    ResponderExcluir