PERIGOSA AMIZADE: O COMEÇO

SINOPSE: Roberta é uma adolescente intensa. Ela é decidida, prática e sabe o que quer. Pelo menos enquanto o coração não resolve entrar na jogada e embaralhar seus sentimentos. Melissa é uma figura. Loira, com os cabelos cacheados, é aquele tipo de menina que já chega logo dizendo: “Ei, você quer ser minha amiga?”. Quando as duas ainda eram crianças, Roberta respondeu que sim. Denis, atacante do time de futebol, é cativante e extrovertido. Ainda é meio moleque, mas começou a chamar a atenção das meninas nos últimos anos. Matheus tem dezoito anos. Assediado pelas meninas, já acabou o ensino médio e ainda não sabe o que quer fazer da vida. Vive no litoral com o pai que todo garoto desejaria ter: descolado, presente, fazendo todas as vontades do filho... Mas Matheus não é “todo garoto”. Seu melhor amigo, Gabriel, é um cara legal. Sensível, curte tocar bateria. Seu sonho é tocar numa banda de verdade, em shows ao redor do mundo. Para o pai dele, no entanto, isso seria um pesadelo. Como – e quando – seus caminhos irão se cruzar? - Gisela BACELAR - Editora OUTRO PLANETA - 2017 - 234 páginas.

PERIGOSA AMIZADE “não é um livro de ficção, um romance, um suspense ou um conto de fadas” mas, sim, um livro sobre a vida. Sobre dificuldades, vícios, amores, amizades, corações partidos e festas no ápice mais louco de nossas vidas, a adolescência.

PERIGOSA AMIZADE foi escrito em terceira pessoa, com breves parágrafos e uma diagramação que flui levemente. Conhecemos a vida de mais de dez adolescentes, com sonhos, problemas, vidas, escolhas e destinos totalmente diferentes. Mas que, de alguma maneira, no meio de vários encontros e desencontros, tem seus caminhos cruzados.

O livro se inicia há 5 anos atrás, mostrando-nosquando duas garotinhas de 8 e 9 anos se conhecem.
“— Será que vamos ser melhores amigas?Roberta sacudiu a cabeça. De onde essa menina tira essas perguntas?, pensou. — Tomara que sim — emendou Melissa, sem esperar a resposta. — Vamos ser mais amigas quando ficarmos mais velhas. Vamos dividir as nossas roupas e usar a maquiagem uma da outra. Como nos filmes!”
Cinco anos se passaram desde o primeiro encontro. Agora, com quatorze anos, Melissa é uma adolescente frágil e tagarela, que mantém um ar angelical, um olhar ingênuo e um sorriso divertido. O tipo de garota que encanta de primeira todos que a conhecem com seu jeito simpático.

Com seus recém quinze anos, Roberta gosta de chamar a atenção por suas atitudes. Por isso a falta de vaidade era evidente na garota, que não ligava para sua aparência. "Estava acostumada a ser a rebelde do seu grupo de amigos."

Mais velhas, Melissa e Roberta mantinham firmemente a amizade que se iniciou ainda na infância. Apesar do estilo, gostos e aparências totalmente diferentes, as jovens não se importavam, amavam estar juntas.
“Só precisavam estar juntas para que o diferente nelas se tornasse igual.”
Matheus, com seus 18 anos, era filho único de um renomado empresário. Não tinha problemas com dinheiro, mas era visto como um jovem problemático e sem futuro por não ter entrado em uma faculdade ao terminar o ensino médio. Seu jeito despretensioso e rebelde de levar a vida, agradava a noventa por cento das garotas que o conheciam, e ajudava-o a esconder um grande trauma do passado.

Gabriel é o melhor amigo de Matheus. Aos quinze anos, estudava em uma boa instituição de ensino, seguia as regras ditadas pelo pai e saía, às vezes, com o amigo praa fugir da rotina. Seu maior sonho era ser músico e tocar em uma banda, onde faria shows mundo afora. Mas seu pai o mantinha em rédeas curtas para que seguisse o ramo da família e se tornasse um advogado exemplar.
"Cada um tem seu próprio tempo. Nunca desista de um sonho só porque demorará a realizá-lo. O tempo vai passar de qualquer forma."
Já Denis é um jovem aparentemente bonito, determinado, cativante e extrovertido, que fazia muito sucesso com as meninas e tinha o sonho de se tornar jogador de futebol. Com tantas mudanças em sua vida, o jovem não conseguia manter firme a mesma amizade que havia construído com Roberta e Melissa na infância.

Jonas e Sara eram irmãos gêmeos, mas raramente andavam juntos. Jonas se preocupava em ser popular, ir a festas e se dar bem com a maioria das meninas. Sara adorava o sossego da não popularidade e passava a maior parte do seu tempo na biblioteca. A leitura era sua verdadeira paixão. Ela não tinha muitos amigos, além de seu namorado, Alex, um universitário quatro anos mais velho do que ela. Porém, o maior problema dos irmãos, era a vivência em casa e o estado em que se encontrava a mãe.

Esses jovens, e muitos outros que não citarei, mas que vale a pena conhecer, terão suas vidas traçadas em situações inesperadas, terão que tomar decisões e, como qualquer jovem hoje em dia, conhecerão as consequências delas.

Com uma escrita leve e envolvente, a autora conseguiu ,com sucesso, me prender e apresentar todos os personagens, mostrando um pouco dos seus cotidianos familiares e hobby's.

Confesso que já conhecia a escrita da autora e novamente me apaixonei por sua história realista, devorando o livro em poucos dias. Gisela Bacelar “traz à tona assuntos presentes na vida de qualquer adolescente, como o sexo e a perda da virgindade, a aceitação entre amigos e colegas, drogas e álcool e a difícil relação com os pais.”. 

Neste primeiro livro da série, a autora se dedicou mais em realmente nos apresentar aos personagens e focar na festa de aniversário de 15 anos da encantadora Melissa, onde algumas amizades se constroem e outras, infelizmente, se desfazem.

Contendo várias citações marcantes, o livro finaliza deixando várias lacunas abertas para a continuação (que não vejo a hora de ser publicada!), o que me deixou com a curiosidade ao extremo para descobrir os motivos de tantos segredos. E, por isso, convido vocês, leitores, que amam um bom livro adolescente, para, juntamente comigo, embarcar no volume zero desta maravilhosa e elogiada série.

Confiram alguns Quotes:
“Infelizmente, algumas escolhas deixam marcas para sempre.”
“Caia de amores por sua solidão.”
“Infelizmente, a felicidade não estava onde ele esperava encontrá-lá”
“(...) Esse é o esquema das redes sociais: fingir que tudo está incrível mesmo quando você estiver jogada na cama se intupindo de doces e assistindo a filmes que te deixam na depressão(...)”
“Seria mágico se ao virar a última página, não tivesse que retornar para a realidade.”
“— Entenda uma coisa, minha pequena. Nenhum homem irá te amar mais do que eu. Eles podem despedaçar seu coração, mas eu estarei aqui para recolher cada pedacinho. Eu te amo minha princesa.”
“— Amiga, às vezes o amor da nossa vida passa por nós sem que saibamos. Você não o conhece agora, mas quem sabe não se encontrão no futuro?”

Compartilhe este post:

Natalia Jesus

Sou capixaba (ES), apaixonada por livros, filmes e séries. Minha série favorita é "Sobrenatural" e meu livro é "Por lugares Incríveis" (Como não amar esse livro, gente?). Enfim, espero que gostem das minhas resenhas, da mesma forma que eu amo fazê-las. Um grande beijo!

17 COMENTÁRIOS

  1. Um livro interessante, pois os personagens tem personalidades diferentes, mas que de alguma forma se completam. Na adolescência passamos por várias descobertas, temos vontade de fazer tudo, apressar as coisas para ser logo adultos, é ai que muitos erram. Esse livro deve abordar tudo isso, fiquei curiosa quanto aos segredos que rondam os personagens.

    ResponderExcluir
  2. Confesso que não conhecia o livro, mas gostei muito de tudo que li acima. Mesmo sendo um pouco avessa a personagens tão jovens, sabemos é claro, que é uma época que rende muitas histórias, desavenças e também, amizades.
    Ainda mais quando uma turma tem tantas diferenças. E segredos? Todos carregamos os nossos.
    Se tiver oportunidade, quero poder ler o livro!
    beijo

    ResponderExcluir
  3. Oi Natália!
    Eu não conhecia o livro e lendo sua resenha já gostei do enredo, adoro livros com o tema, vai direto pra minha listinha.
    Adorei a capa tbm, me chamou bastante atenção.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  4. Achei interessante esse jeito tão real das histórias e por ter tanto personagem. Pode acabar deixando espaço pra explorar muita coisa legal nas tramas deles. É um livro bem jovem pelo visto, que fala sobre mudanças, sobre consequências dos atos, ser jovem e tudo o que isso acarreta e achei isso bem legal. Gosto de leituras assim.
    Pode ser uma boa dica mesmo. Se puder vou dar uma chance.

    ResponderExcluir
  5. Olá! Achei interessante o enredo do livro, acho que será possível se identificar com diversas situações que ocorrerão com os personagens, já que a adolescência é uma época bastante intensa.

    ResponderExcluir
  6. Natália!
    Acredito que a apresentação das personagens nesse primeiro livro foi bem detalhada e interessante.
    Por seu comentário, os assuntos abordados no livro são importantes para quem passa pela fase da adolescência.
    Não tenho preconceito com leitura, leio de tudo, porém nesse momento, ano preferindo leituras diferentes e mais madura.
    Gostei muito da sua avaliação.
    Desejo um ótimo final de semana!
    “ Lança o saber e não terás tristeza.” (Lao-Tsé)
    cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA novembro 3 livros, 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  7. Olá, apesar de achar a premissa da obra extremamento interessante, fiquei com receio em lê-lo pois temo que a autora não trabalhou muito o desenvolvimento dos personagens, algo primordial em um livro no qual mais de dez pessoas são protagonistas. Beijos.

    ResponderExcluir
  8. Olá Natália!
    Ainda não conhecia este livro nem a autora. Porém, já me assustei com tanto personagem! A narrativa parece ser bastante leve, perfeita para a faixa etária a que se dedica!
    Apesar de adorar young adults e livros infanto juvenis, não senti desta vez a "fagulha" da vontade de ler. Talvez pelo fato de neste primeiro livro não acontecer tanta coisa, e ficar mais nas apresentações e na festa de 15 anos. Mas com certeza parece ser uma autora que promete!

    ResponderExcluir
  9. Amei a resenha, me deixou muiito curiosa para ler ele, amo ler um livro adolescente de vez em quando, apesar de eu ser adolescente sou o oposto dos adolescentes normais haha beijos Na

    ResponderExcluir
  10. Resenha incrível, mas não é o tipo de livro que me agrada. O fato de ser nacional e envolver trajetórias da adolescência não me encantam muito, mas não posso negar, a curiosidade me tomou por inteira. Espero mudar esse hábito e ler tudo o que puder e não puder.

    ResponderExcluir
  11. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  12. Olá!
    Não conheço a autora, mas amei a resenha descrita sobre o livro. Tenho uma quedinha por livros mais adolescentes que tragam uma visão de como é, amizades, conflitos, paixões e que retratam obstáculos pelo caminho. Achei interessante, e em uma oportunidade melhor de leitura (e tempo rsrs) vou tentar ler.
    Obrigada pela dica!

    ResponderExcluir
  13. OOi!! O fato de se tratar de adolescentes não me agradam porque são chatos pra mim
    apesar de mostrar conflitos, amizades e outros dramas não me agradam, e eu tenho preferência por livros internacionais, mas valeu!!

    ResponderExcluir
  14. Oi Natália.
    A autora fez um belo trabalho, pelo pouco que li de sua resenha dá para perceber que ela manteve a essência da adolescência e soube trabalhar temas que vivemos nessa fase da vida. Confesso que a curiosidade me pegou para ler o livro, e gostei mais ainda por ter continuação, como você citou que são mais de 10 adolescentes, acho que ela é necessária para fechar todas as lacunas, e claro, quando a história é boa merece ter continuidade! Vai entrar para os desejados, gostei bastante da capa, espero que a diagramação mantenha esse padrão.
    Beijos

    ResponderExcluir
  15. Oi, Natália!!
    Gostei muito da premissa da estória, essa é a primeira vez que vejo uma resenha sobre esse livro mas como achei bem bacana os personagens do livro, sem dúvida leria a estória com certeza!!
    Bjoss

    ResponderExcluir
  16. Oi, Natália!
    Não conhecia o livro e acho que nem a autora, Achei bem interessante a premissa do livro.
    Gostei dos personagens serem tão jovens; é sempre bom ler livros assim com temas bem importantes para adolescentes. Quero esse livro.

    ResponderExcluir
  17. Uma amiga minha já leu e falou muito bem do livro. E já tinha ficado interessada. Agora com essa resenha com certeza foi pra lista. Apesar de ser uma série (tenho fugido delas por vários motivos ).
    Só não gostei muito da capa

    ResponderExcluir