FOGO E FÚRIA

SINOPSE: Com acesso aos assuntos da Casa Branca, o jornalista Michael Wolff revela os curiosidades de bastidores do governo de Donald Trump, o presidente americano mais alvo de controvérsias da história. Graças ao contato com figuras do governo do país mais rico do mundo, o autor cria um quadro assustador sugerindo despreparo, desorganização, assédios, vaidades e mostra a guerra contra a mídia (que fabrica as fake news), contra o progressista Partido Democrata e até contra alas do conservador Partido Republicano, do próprio presidente - Michael WOLF - editora OBJETIVA - 2017 - 330 páginas.

Os Estados Unidos é a maior potência da atualidade, quase tudo que acontece lá reflete de alguma forma no mundo. Seu atual presidente, Donald Trump, dispensa apresentações. Talvez o presidente americano mais polêmico da história, reúne em menos de dois anos de mandato, vários escândalos e controversas. FOGO E FÚRIA vai detalhar seus cem primeiros dias no poder e como tudo foi de mal a pior, vamos conferir!

A trama foi desenvolvida através de diversas entrevistas com pessoas próximas ao presidente e a seu gabinete na Casa Branca. O autor se inspira nos fatos e transforma tudo em um livro com início, meio e fim, não é apenas uma série de entrevistas e pontos de vistas diferentes. O enredo é dividido por capítulos, que podem abordar qualquer aspécto da política americana e até mesmo fofocas.

O texto transborda polêmicas e consegue pintar bem o quadro de como esse homem foi se transformar no chefe de estado mais poderoso do mundo. Chega a ser bizarro saber que a vitória chocou a todos em sua campanha, pois ninguém acreditava que ele poderia ganhar. E porque é chocante a sua vitória? Pois talvez não existisse pessoa pior para assumir esse cargo. Trump é uma pessoa arrogante, preguiçosa, preconceituosa e vingativa. São diversos relatos onde vemos o “presidente” não se concentrando em suas tarefas, não querendo fazer realmente o bem para a população e, acima de tudo, buscando apenas inflar o próprio ego.

A trama também aborda o possível envolvimento russo nas eleições americanas, abrindo caminho, assim, para a vitória de Trump. Do nada, vários e-mails comprometedores sobre sua concorrente Hillary Clinton foram divulgados, prejudicando muito sua imagem. Várias evidências apontam o ataque para um grupo de hackers russos amigos de Trump. O livro apresenta outras provas, como encontros secretos com políticos russos e até participações de Trump em orgias sádicas em Moscou. Uma das coisas mais chocantes do livro, envolve seu gabinete. Todos têm seu espaço de desenvolvimento na trama e tudo gira em torno do caos. Várias pessoas tentando controlar Trump, tentando governar em seu nome, tentando ganhar cargos e favores sendo amigos do presidente. Trump também pratica muito nepotismo, botando até mesmo sua filha como sua assessora, desejando que futuramente a mesma o substitua na presidência do país.

O livro aborda sua estranha relação com a atual esposa e primeira dama, Melania Trump, seus preconceitos com negros, estrangeiros e LGBTs. Suas promessas de campanhas mais famosas, como construir um muro na fronteira com o México, e impedir a entrada de qualquer pessoa árabe, também são debatidos no texto. A parte mais nojenta fica por conta de sua possível afeição com o neo-nazismo e a supremacia branca conhecida como Ku Klux Klan.

Bom, o livro apresenta uma pessoa triste, mal preparada, preconceituosa e ignorante, com altos graus de burrice. Obviamente não é uma leitura fácil, mas consegue ser extremamente interessante. Tudo o que assistimos nos jornais e nas leituras em sites de notícias aqui, são aprofundados e explicados de uma forma que todos possam entender. A leitura suga um pouco a alma do leitor, é quase como ficar exposto a radiação de uma pessoa que não quer ser boa para todos, que na verdade mal sabe o que está fazendo dirigindo um país. FOGO E FÚRIA promete chocar e realmente atinge esse objetivo, não é um livro para todos, mas tem seu valor.


Compartilhe este post:

Rafael Yagami

Cinéfilo compulsivo, amante de livros e musica. A leitura e os filmes sempre me ensinaram a confiar em mim e ter sonhos grandes e é com isso que me armo todos os dias para lutar pelos meus objetivos.

28 COMENTÁRIOS

  1. God Help America! E o mundo!
    Porque com esse ser no comando da maior potência mundial só Deus para livras Os EUA e o resto do mundo de uma grande catástrofe.
    Política não é muito minha praia. Porém achei muito interessante a premissa do livro em devassar como de empresário e apresentador de TV Trump conseguiu se tornar presidente mesmo não tendo sido o mais votado.
    Parabéns pela resenha Rafael!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não suporto politica também, mas o livro me prendeu muito com os detalhes de como tudo funciona lá nos Estates e em como esse homem é louco, uma leitura pesada que vale a pena.

      Excluir
  2. Oi, Rafael.

    Pelo simples fato do livro nos permitir conhecer esse lado do Trump e suas ações, ele já se torna polêmico, né?

    Pra mim, não foi uma surpresa ele ter ganho, mesmo ele sendo bastante polêmico. Embora houvessem aversões, eu via ele como um forte candidato, mesmo tendo minhas dúvidas. A Hillary era uma forma de escape para o povo americano.

    No entanto, acho que em alguns pontos, ele é muito instável. Eu diria até mesmo, impulsivo. Ao meu ver, nem ele e nem a Hillary eram candidatos com grandes potenciais, pois não defendiam bons interesses e conceitos.

    Mas, não vou me aprofundar no assunto, pois política não é bem o meu forte.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu fiquei bem surpreso com a vitória dele pra falar a verdade, mas concordo, nem ele nem a Hillary eram grandes coisas e isso é visível quando a gente analisa o resultado da votação, super empatado, mas quem levou a melhor foi ele. E realmente ele é muito instável, pior pessoa possivel para esse cargo

      Excluir
  3. Particularmente não é meu estilo de leitura, mas em contrapartida, poder saber um pouquinho sobre a vida desse lunático deve ser bem interessante e claro, revoltante também.
    Me recordo do resultado das eleições e do quanto isso lá fora é tão confuso. Ninguém imaginava que o maluco ia ganhar e quem está lá se achando? O cara!
    Triste é saber que esse homem tem poder demais nas mãos e que não tem a menor noção disso. Uma pessoa que só planta o mal não tem capacidade para cuidar nem de si próprio.
    Se tiver oportunidade, até queria ler sim.
    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É bem revoltante saber mesmo como tem sido seu governo, uma cascata de escolhas ruins e desorganização, o livro me deixou pasmo em saber que esse homem tem tanto poder, os americanos estão realmente em maus momentos.

      Excluir
  4. Não sei se leria esse livro mais pela pessoa do que pela "história".
    Por ser um presidente e ter dado tanta polemica nas eleições e tudo mais até veria graça em ler pra conhecer melhor, mas com esse cara? Perdão, mas não. Obrigado.
    E dá pra ver que só pelos relatos de gente próxima não é lá dos mais agradáveis mesmo...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente não é muito agradável ler um livro sobre esse homem, só li mesmo por ser tratar de um estudo dos primeiros 100 dias no mandato, se fosse uma biografia eu jamais leria.

      Excluir
  5. Eu confesso que não sou muito fã de política e não é um tema que costumo ler, mas a ideia do livro em si é muito boa para quem curte saber mais. Infelizmente quando eu início a leitura de um destes sempre paro, não acho que pegaria para ler algum dia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É muito fácil querer desistir mesmo, esse homem é escroto e está fazendo muitas besteiras, leitura nada agradável.

      Excluir
  6. Oi Rafael!
    Um gênero que eu não curto nenhum porco em ler...
    Deveria mais...
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah não se culpe, politica é muito estressante mesmo, essa foi minha primeira experiencia com o tema e mesmo o livro ganhando pontos por ser interessante, não quero voltar no gênero de novo.

      Excluir
  7. Um livro que não tenho vontade ler, prefiro ficar alienada quanto a isso, porque quanto mais descubro mais rio para não chorar. Já da pra saber mais ou menos o sentimento que esse livro iria me trazer com: " o livro apresenta uma pessoa triste, mal preparada, preconceituosa e ignorante, com altos graus de burrice." Concordo plenamente.
    Passar bem

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É um texto para poucos mesmo e nada agradável de se ter em mãos, tem seu valor pelas descobertas e curiosidade, mas a um preço alto.

      Excluir
  8. Rafael!
    Pode não ser uma leitura fácil, mas acredito que conhecer um pouco mais sobre o Presidente da maior potencia mundial, é até de certa forma uma leitura necessária, concorda?
    Desejo uma ótima semana!
    “Um homem pode ser destruído, mas não derrotado.” (Ernest Hemingway)
    cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA MAIO – 4 livros + vários kits, 5 ganhadores, participem!
    BLOG ALEGRIA DE VIVER E AMAR O QUE É BOM!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bem necessária mesmo, principalmente se você quiser opinar e falar sobre o tema, depois do livro você vai ter uma visão nova gigantesca.

      Excluir
  9. Olá Rafael,
    Não sou fã de livros sobre política e não pretendo ler esse.
    É incrível que uma pessoa como ele tenha sido eleito presidente. Eu assisti alguns discursos de campanha dele e achava que os americanos não seriam influênciados pelas coisas que ele falava, até porque algumas eram muito loucas, mas me enganei.
    Acho a ideia do livro interessante, até pq as informações que a população recebem são através da mídia e não temos como saber o quanto ela foi alterada até chegar à população.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente, a gente recebe muito pouco da verdade e quando chega as vezes nem entendemos, o livro ajuda muito nesse aspecto, principalmente em tentar justificar porque ele ganhou a eleição, mesmo pesado, vale muito a pena.

      Excluir
  10. Um gênero que não me agrada ainda mais sobre o Trump. Porém, ao ler a resenha vc vê pontos abordados que seria muito interessante sabe mais profundo. Temas que podem ou não influenciar sobre o gênero do próprio livro se tornar interessante.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Politica e ainda Trump são a receita certa para afastar o interesse, mas para quem gosta de uma leitura mais informatica vale muito a pena.

      Excluir
  11. Não é esse livro que o autor fantasia um pouco a escrita e nem tudo que está nele é real? Lembro de ler algo assim. Gosto muito de biografias, principalmente de políticos, mas sendo um folhetim, não dá para ler.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom, esse livro não é uma biografia do Trump e sobre essa parte de o livro não ser real eu não sou capaz de opinar, não fiquei sabendo desses rumores.

      Excluir
    2. Oi, Rafael. Não sei ao certo, mas o livro se classifica como biografia, não? Pelo que sei, biografia é uma história contada sobre um determinado tema e um determinado período. Quando falei em biografias de políticos, gosto tanto daquelas que contam história da vida ou história de governo.

      E sobre o livro, fui pesquisar, realmente ele não pode ser classificado como um livro sério. Existem erros que um jornalista não poderia cometer, informações que não se sabem se são verdades ou inventadas pelo o autor.

      Excluir
  12. Olá! Acho que o mundo inteiro não estava esperando e, muito menos preparado para a vitória do Trump, o que demonstra que não são apenas os brasileiros que ainda não sabem escolher de forma consciente seus representantes. O cara é simplesmente uma piada e vem deixando a todos na expectativa do pior.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente os americanos se superaram depois de eleger esse homem, espero que quando chegar nossa vez em outubro nós possamos ter sabedoria e escolher bem, mas para isso tem que existir algum candidato que presta né, ai fica mais difícil ainda.

      Excluir
  13. Olá, o conteúdo informativo do livro não deixa a desejar, sendo possível descobrir ainda mais as ações controvérsias do atual presidente norte-americano. A leitura também deve fazer o leitor refletir ainda mais sobre o fator decisivo que colocou Trump no poder, algo ainda incompreensível por muitos. Beijos.

    ResponderExcluir
  14. Oii, eu não faço muita questão em ler, não é o tipo de leitura que me agrada. Porém fiquei um pouco curiosa para saber o que a leitura proporciona!!

    ResponderExcluir
  15. Oi, Rafael!!
    Esse livro não é bem o estilo de leitura que aprecio muito, mas achei bem interessante descobrir alguns segredos de Trump e como ele chegou a Casa Branca.
    Bjos

    ResponderExcluir